Notícias

02
Mai/13

Lus Eduardo Magalhes implanta a Casa de Passagem da Criana e do Adolescente


Prefeito Humberto Santa Cruz e o presidenta da AMA, Diego Alves inauguram a Casa de Passagem

Foi inaugurado na terça-feira, 30, ás 18h em Luís Eduardo Magalhães, mais um projeto de inclusão e assistência psicossocial e psicopedagógico, a Casa de Passagem da Criança e do Adolescente, José Vicente da Silva. Uma parceria entre o Ministério Público, Governo Municipal, Associações, Conselho da Criança de do Adolescente (CDCA), entidades religiosas, veículos de comunicação e parceiros da comunidade.

A Casa de Passagem possui 930m², sendo 787,9m² de área coberta e o restante destinado para horta comunitária e parque infantil.  A casa está localizada na rua Irará próximo a avenida Trancredo Neves, no bairro Santa Cruz.

Um projeto baseado no ecumenismo social que desde 2009 envolve muita gente da sociedade e agora consegue vitória ao erguer uma bela estrutura para acolher crianças e adolescentes que necessitam superar os percalços da vida e situações negativas vivenciadas na rua.

De acordo com promotor titular da Vara Cível Dr. André Bandeira de Melo Queiroz, “o município só tem a ganhar com a Casa de Passagem, as pessoas e entidades envolvidas valorizam a criança e o adolescente. O Ministério Público apóia desde o início, para que este dia chegasse”. Disse o Promotor ao falar da seriedade da Associação dos Moradores do Aracruz(Ama). Entidade que está a frente do projeto.

O Promotor Dr. George Elias Gonçalves titular da vara Crime, Infância e Juventude, abordou a situação municipal da juventude, “estou satisfeito com a qualidade da obra. A criminalidade tem origem social e a Casa de Passagem tem o papel de realizar a prevenção com a juventude”,disse.

Os juvenis em vulnerabilidade social antes eram encaminhados para Salvador, o município através do Conselho Tutelar não tinha condições de realizar atividades para conduzir a saúde dessa juventude. A Casa de Passagem, receberá o apoio do governo municipal com um convênio. Será implantado  um estratégico plano de trabalho junto  Secretaria  Municipal de Trabalho e Assistência Social.

A Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e o Centro de Referencia de Assistencia Social(Cras), está a disposição para auxiliar nas inúmeras atividades com a juventude dentro da Casa de Passagem. A Secretaria Municipal de Infraestrutura trabalhou nesta obra e continuará dando o total apoio no que for necessário nos próximos tempos.

Humberto Santa Cruz, afirmou, “é através das PPP, que Luís Eduardo Magalhães é reconhecido entre os municípios do oeste baiano. Um projeto de integração social que custou mais de R$430.000,00 não se faz sozinho”. Esta unidade de acolhimento temporário da juventude está em fase inicial. Tem muito a ser feito e o governo municipal dará todo suporte necessário.
Os atendimentos a juventude será dividido em quatro etapas.

Primeiramente acolhendo o jovem, realizando um diagnóstico de sua situação. Posteriormente será realizado atividades educacionais de acordo com a faixa etária e grau de aprendizado, emitindo relatórios. Caso haja necessidade a educadora social encaminhará para um acompanhamento psicológico com profissionais credenciados no Programa. E por final a criança ou adolescente será encaminhado para sua família, seja no próprio município ou seu local de origem.

Fonte:ASCOM, prefeitura de LEM
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades