Notícias

18
Dez/13

PM morre aps teste para tropa de elite; tenente da CIPE/Cerrado est em estado grave

O Tenente Joserrise Mesquita de Barros Nascimento, da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Cerrado) de LEM, está internado no Hospital São Rafael, entubado e inconsciente.

O soldado Manoel dos Reis Freitas Júnior (foto), que passou mal durante um treinamento da Polícia Militar na última segunda-feira, morreu ontem à noite no Hospital Aeroporto, após mais de 24 horas internado na UTI da unidade. Ele era lotado na 4ª  CIPM (Macaúbas) e participava,  com outros 66 policiais, de uma corrida de 10 km — os candidatos corriam fardados. Era a primeira etapa do treinamento para o Curso de Operações Policiais Especiais (Copes), no Batalhão de Polícia de Choque, em Lauro de Freitas,  que capacita PMs para operações de alto risco.

Manoel e outros três PMs sentiram náusea e precisaram de atendimento médico. Todos foram encaminhados para o Hospital Geral Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, e depois transferidos para unidades particulares. O Tenente Joserrise Mesquita de Barros Nascimento, da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Cerrado) está internado no Hospital São Rafael, entubado e inconsciente.

Já o soldado Luciano Fiuza de Santana, do 12º BPM (Camaçari), segue na UTI do Hospital Menandro de Farias, com quadro de falência múltipla de órgãos, segundo informou a Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares (Aspra). A causa da morte de Manoel não foi informada.  A assessoria da PM não confirmou o estado de saúde dos policiais.

O quarto policial que precisou de atendimento médico, soldado Paulo Deivid Capinan da Silva Pedro, da 81ª CIPM (Itinga), recebeu alta médica na noite de segunda-feira. A corrida era a primeira etapa do   Teste de Habilidade Específica (THE). Ao todo, 67 policiais participaram do teste, que previa ainda atividades como transposição de muro, subida no cabo vertical, transporte de carga e apneia na água.

A PM informou que todos os candidatos fizeram exames médicos e apresentaram atestado médico indicando aptidão para a realização de testes de esforço físico.

Fonte:Do Correio da Bahia
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades