Notícias

07
Ago/13

Trs vereadores roubam a cena na sesso de ontem na Cmara de LEM


Vereador Jarbas acusou o deputado Oziel Oliveira de querer tomar obra de LEM e levar para Formosa do Rio Preto. O vereador afirmou que Oziel está traindo LEM. Foto: Jornal O Expresso

Na volta dos trabalhos na câmara municipal de vereadores em LEM, 14 dos 15 vereadores estavam presentes. O único a faltar foi o vereador Zezé da farmácia.

Dada às circunstancias da sessão, os protagonistas foram os vereadores Jarbas Rocha, Claudionor Machado e Katerine Rios. Os demais fizeram seus discursos, falaram de projetos e indicações, mas permaneceram coadjuvantes diante dos três.

Os trabalhos seguiam sem nenhuma alteração, até que o Vereador Jarbas foi convidado a fazer o uso da palavra. Logo no inicio ele perguntou ao Presidente da casa, Cabo Carlos, se o mesmo já teria sido traído. Jarbas disse que ser traído dói muito e que era esse o sentimento do povo de Luís Eduardo Magalhães diante das atitudes do deputado Federal Oziel Oliveira.

O vereador afirmou que Oziel está tentando tirar de LEM um armazém da CONAB e levar para Formosa do Rio Preto, devido à boa relação entre ele e o prefeito daquele município.


Vereador Claudionor Machado pediu provas ao vereador e ameaçou chamá-lo de mentiroso na próxima sessão caso o mesmo não apresente provas

Quando o vereador Claudionor Machado fez uso da palavra, perguntou a Jarbas se o mesmo já havia sido chamado de mentiroso e afirmou “que caso Jarbas não apresente provas das suas afirmações, na próxima seção será chamado de mentiroso frente a todos os outros colegas, impressa e quem mais estiver presente, pois, falar por falar é fácil, difícil é apresentar provas do que se afirma”.

Outro assunto que movimentou a sessão foi a afirmativa de Jarbas que a duplicação da BR 242 foi um projeto conseguido pelo atual prefeito Humberto Santa Cruz. Foi o mesmo que chamar Katerine Rios para o embate. A vereadora perguntou a Jarbas o porquê, Humberto sabendo, conhecendo de perto o projeto da duplicação, construiu em frente à prefeitura uma praça que já foi destruída devido os trabalhos.


A vereadora Katerine rebateu o vereador Jarbas Rocha que afirmou que a obra de duplicação da BR 242 foi conseguida pelo prefeito Humberto Santa Cruz

De acordo com Katerine, o prefeito jogou o dinheiro do povo pelo ralo quando construiu a Praça Luís Eduardo Magalhães apenas para se favorecer politicamente. Ela ainda citou a terceira via feita paralela a BR 242, mas uma vez ela afirmou que foi obra eleitoreira e que o prefeito não conhecia o projeto, por ter sido indicação do deputado Oziel. Katerine pediu que o ministério público tome providências quanto a esse dinheiro gasto desnecessariamente.

Para Jarbas, todas as obras foram executadas pelo prefeito a pedido da população.

Fonte:Blog do Sigi Vilares
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades