Notícias

03
Out/13

Prefeitura prorroga o prazo para implantao da Nota Fiscal Eletrnica no municpio


O governo municipal está preocupado em buscar soluções para as questões tributárias dos empresários

Na tarde de terça-feira,01, o secretário de Indústria, Comércio e Serviços, Ondumar Marabá, reuniu-se com a equipe do setor tributário, empresários municipais e a Associação da Classe Contábil de Luís Eduardo Magalhães (ACCL). O objetivo do encontro foi divulgar e discutir a prorrogação do credenciamento e obrigatoriedade dos prestadores de serviços que utilizarão o Web Service para emissão de Notas Fiscais Eletrônicas (NFS-e). Somente para essas empresas o prazo de obrigatoriedade foi estendido até 01 de novembro.

Durante a reunião também foram discutidos vários tópicos da área tributária e assuntos relativos à facilitação das atividades econômicas dos empresários municipais. Para o secretário Ondumar o processo pode até parecer complicado, mas a equipe da prefeitura está disposta a facilitar a emissão dos documentos fiscais. “Estamos buscando soluções para não prejudicar os empresários em relação ao expediente do Centro Administrativo”, salientou.

Ondumar explica que o Microempreendedor Individual (MEI), que emitir até 250 Notas Fiscais no período de um ano não tem a obrigatoriedade de utilizar a NFS-e.

De acordo com o presidente da ACCL, Vanoli Kuntz, o governo municipal está auxiliando a categoria nesse processo migratório, mas reforça que é preciso um prazo maior. “A informatização das notas fiscais e serviços, é uma forma de agilizar a emissão dos documentos que os comerciantes precisam”, comentou  Vanoli, satisfeito com a maneira que a Prefeitura está interagindo com a classe empresarial da cidade.

O governo municipal está preocupado em buscar soluções para as questões tributárias dos empresários. Segundo a gerente de Arrecadação e Fiscalização, Simone Jacobsen, o setor tributário possui ferramentas de interatividade que auxiliam nos diversos procedimentos. “Um exemplo é o chat no site da prefeitura onde são esclarecidas dúvidas sobre o credenciamento e tributação relacionada à emissão de NFS-e. Ele está no ar das 08h às 12h e das 14h às 18h, de segunda a sexta, com um auditor sempre disponível para esse atendimento”.  Vale lembrar que essa ferramenta está disponível somente para empresas já credenciadas na NFS-e, explica.

Fonte:ASCOM, prefeitura de LEM
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades