Notícias

10
Jul/18

Moradora de LEM faz apelo para encontrar irm que no a v h 33 anos



A reportagem do Blog do Sigi Vilares esteve na tarde de ontem, segunda-feira (9), na residência de Cassiana de Jesus Mendes, de 35 anos, moradora da Rua Piritiba, no bairro Santa Cruz, na cidade de Luís Eduardo Magalhães.

A moradora solicitou ajuda para encontrar sua irmã que não a vê há aproximadamente 33 anos. Cassiana reside a 13 anos em LEM com sua mãe, Djanira Maria de Jesus Mendes, de 53 anos e seu irmão é Edifranço Mendes de Jesus, de 37 anos. Ela é casada com Ivan Pereira Novais, de 45 anos, que tem um casal de filhos, a pequena Laura de 1 ano e meio e o pequeno Levi, de 11 anos.

De acordo com Cassiana, com poucos dias de vida sua mãe deu sua irmã mais nova para conhecidos da família, identificados como Arnaldo e Edinha, por conta das dificuldades financeiras vivida pela mãe e sem muito apoio do pai para cuidar da criança. Arnaldo e Edinha prometeram registrar o nome da criança de Edivania e após pegar a menina sumiu sem dar notícias.

A informação que a família teve é que eles iriam residir na cidade de Irecê após sair da cidade de Morro do Chapéu onde a menina foi entregue e logo depois iria para a cidade de Anápolis ou Eunápolis.

Cassiana revelou que seu pai Francisco Mendes de Jesus, de 50 anos, morreu vítima de um câncer na língua e garganta causada por cigarro. "Espero que minha irmã entenda o porquê que minha mãe deu ela para outro criar, não foi porque ela não queria filho, não foi porque ela não queria cuidar, é porque não tinha condições para criá-la na época", disse Cassiana.

Cassiana e a família ainda teme pela reação de sua irmã caso apareça e espera que ela entenda o que motivou a mãe a lhe entregar após nascida. Ela sonha muito com esse reencontro com a irmã que pode está hoje com 33 anos.

Fonte: Reportagem de Weslei SantosBlog do Sigivilares
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades