Notícias

04
Jun/13

Bandidos tentam explodir cofre do Banco do Brasil em So Desidrio


Agência do Banco do Brasil de São Desidério




A entrada da agência e o cofre que os bandidos tentaram explodir


O interior da agência após a explosão


Delegacia de Polícia de São Desidério


Viatura da PM teve o pneu furado pelos tiros


Mais tiros nas viaturas


Marcas das balas na viatura


O delegado Carlos Ferro suspeita que os assaltantes tenham fugido em direção ao trevo de Correntina


As cápsulas nas mãos do delegado revelam que os bandidos estavam fortemente armados


As marcas dos tiros ficaram por toda a parte




A caminhonete que saiu da pista por causa do caminhão atravessado na rodovia

A agência do Banco do Brasil de São Desidério foi invadida na madrugada desta terça-feira, 4. Os bandidos utilizaram dinamites para tentar explodir o cofre. Apesar da violência usada pelos assaltantes, nada foi levado do banco. 

O ataque aconteceu por volta das 3h e, antes disso, parte da quadrilha usou um caminhão, tomado em assalto, na BA 462, e o atravessou na BR 135, próximo ao povoado de Mucambo, em Barreiras, para impedir o acesso de veículos a São Desidério.

Segundo informações do delegado Carlos Ferro, da delegacia de São Desidério, 12 homens armados participaram da ação. Enquanto uma parte do grupo dominava o caminhoneiro e seu ajudante, outros bandidos invadiam a agência bancária.

Durante o período em que o caminhão ficou atravessado na pista, uma caminhonete Ford F-1000 perdeu o controle e saiu da pista. Não houve feridos neste acidente.

O caminhoneiro e o ajudante ficaram refém dos assaltantes desde as 21h de segunda-feira, 3.

Conforme relatos à polícia civil, o condutor do caminhão disse que pediu aos assaltantes que poderiam levar o veículo, mas que deixassem sua documentação pessoal e o remédio contra pressão alta. Ao ouvir isto, um dos assaltantes pediu que o condutor desse o comprimido para tomar, pois também sofria de pressão alta.

Antes de invadir o banco, os bandidos passaram em frente à delegacia de São Desidério e dispararam tiros contra o local. Depois, fizeram o mesmo em frente ao Batalhão da PM. Uma viatura foi atingida por 11 tiros que acertaram o para-brisa, uma das portas, farol e um pneu dianteiro.

Em seguida, o bando invadiu a agência do Banco do Brasil e foi em direção ao cofre central. Foram colocadas dinamites na porta do cofre, que não se abriu apesar da explosão. A quadrilha permaneceu dentro da agência bancária por 45 minutos.

Os assaltantes também atiraram em vários locais próximos a delegacia de São Desidério, como em placas de sinalização de trânsito, postes de energia, paredes de residências.

Investigações

O delegado suspeita que os assaltantes tenham fugido em direção ao trevo de Correntina, que liga a BA 462 a BR 135. Equipes das polícias civil e militar de São Desidério e de Barreiras realizam buscas pela região desde a madrugada.

Carlos Ferro disse à nossa reportagem que uma equipe da Polícia Técnica está periciando o local e imagens do circuito interno da agência irão ajudar a identificar a quadrilha que estava armada com calibre 556 e fuzil AK 47. Todos os integrantes estavam encapuzados.

Parte das cápsulas utilizadas nos tiros foi encontrada e até o fechamento desta matéria estava nas mãos do delegado Carlos Ferro.

Fonte:Reprter Jadiel Luiz/Blog do Sigi Vilares
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades