Blog do Sigi Vilares - 7 Anos
 

Notícias

11
Jan/17

Em assembleia Zito garante pagamento dos salários de dezembro até terça, 17

O prefeito Zito Barbosa participou nesta terça-feira, 10, da Assembléia Geral Extraordinária com os servidores de Barreiras. Mais de 500 funcionários municipais foram até a Câmara de Vereadores, para discutir com a equipe de governo, a melhor opção para a quitação da folha de pagamento do mês de dezembro de 2016, que está em aberto.

Durante a conversa Zito Barbosa expôs toda a situação vivenciada após o dia 02 de janeiro. A notificação da Receita Federal, os cheques que foram emitidos para empresas no último dia de mandato pela gestão passada na ordem de R$ 5 milhões, parcelamentos de INSS, falta de repasse de convênios, débitos com a União e a folha de dezembro em aberto que totaliza mais de R$ 11 milhões.

Os servidores foram ouvidos, e após analise conjunta com o secretário de finanças Marcelo de Abreu, equipe do governo e sindicatos, o prefeito Zito Barbosa propôs o pagamento dos salários de dezembro já na próxima terça-feira, 17.Com isso, poderá haver uma mudança no cronograma de quitação dos salários de janeiro, prevista para o último dia útil do mês, contrariando o planejamento inicial.



“Os servidores reconhecem nossas fragilidades nesse momento. Mas assumimos o compromisso de pagar a folha de dezembro, nesta próxima terça feira dia 17, e vamos cumprir nossa meta. Mas quero pedir paciência e compreensão, caso não quitemos a folha de janeiro até o dia 31, vamos honrar o pagamento até o dia 07 de fevereiro”, anunciou o prefeito, momento em que foi aplaudido e cumprimentado por muitos servidores.

A presidente do SINDSEMB, Camélia da Mata, agradeceu a disposição do prefeito em dialogar com a categoria. “Ele teve o respeito de nos ouvir e entender o sofrimento do servidor, hoje, tivemos a certeza que depois da tempestade vem a bonança”, disse.

A assembleia foi instaurada após solicitação da gestão atual, que se reuniu antecipadamente com os representantes dos servidores: SINPROFE, SINDSEMB, Associação de Agentes Comunitários e Associação de Agentes de Endemias, para apresentar o cenário que encontrou na Prefeitura de Barreiras, como o bloqueio de repasses, dívidas e salários em aberto.

Fonte:ASCOM, Prefeitura de Barreiras
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades