Notícias

16
Set/15

Dependncia de celular agora tem nome: NOMOFOBIA

Um artigo do Pr. Adejarlan Ramos



Sem dúvida o celular nos trouxe muitos benefícios: checar e mails, verificar SMS, ter acesso rápidos as redes sociais, etc. Mas, esse tipo de comportamento pode ser sinal de NOMOFOBIA, ou seja, síndrome em que o paciente depende do telefone ou da internet.

A PhD em saúde mental estudou o tema em sua tese de doutorado. No estudo 34% dos entrevistados sem problemas afirmaram ter alto grau de ansiedade sem o telefone por perto e 54% disseram ter pavor de passar mal na rua sem o celular.
A NOMOFOBIA não costuma aparecer sozinha. Em geral está associada aos transtornos de ansiedade que podem ser síndrome de pânico, transtorno bipolar, estresse pós traumático entre outros.

O termo NOMOFOBIA foi criado por pesquisadores britânicos. A palavra resulta da junção de “nomos” abreviação em inglês de “no móbile” (sem celular) e “fobia”, termo original do grego e que significa “medo”, “terror.”

Uma pesquisa feita no Brasil com 5 mil participantes, 58% afirmaram que usam o celular a cada 30 minutos e 35% a cada dez minutos.

Portanto, fique atento se perceber que está muito tempo verificando o celular, procure um especialista, você poder ser um NOMOFOBICO!

Pr. Adejarlan Ramos
Assembleia de Deus em Barreiras

Fonte: Blog do Sigi Vilares/Colunistas
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades