Notícias

06
Dez/12

Dupla aplica golpe na cidade de LEM

Bruno Souza da Silva, 30 anos, e Diogo Bonfim, da Centro de Treinamento Online Cursos, de Salvador, são acusados pelo Hotel Paranoá por não terem pago por 13 diárias (entre 20 de novembro e 2 de dezembro) e pelos consumos no quarto e no restaurante e locação do auditório para os cursos que promoveram no final de novembro. O valor total da dívida não foi revelado pela gerência do Paranoá.

A dupla (foto), ainda, não pagou pelas inserções da divulgação na Rádio Mundial FM e a um carro de som do Pré-Carnaval que estariam promovendo  para o dia 20 de janeiro.

O evento seria realizado no Quatro Estações Avenida com a participação das bandas A Bronka eRaghatoni, ambas de Salvador, e do DJ Marsciano e da dupla João Pedro e Júnior, de Luís Eduardo Magalhães. Bruno Silva e Diogo Bonfim chegaram a vender ingressos antecipados para o Pré-Carnaval.

Além do hotel, da emissora de rádio e do carro de som, também foram lesados por Bruno Silva e Diogo Bonfim pelo menos quatro alunos inscritos nos cursos de atendente de farmácia/agente de saúde e de operador de caixa/frentista e abastecedor que teria início na quarta-feira, 5, no auditório do Paranoá. Anteriormente, a empresa realizou os mesmos cursos entre os dias 21 e 26 de novembro, com cerca de 60 alunos.

Os dois desapareceram na noite de domingo, 2, quando saíram do hotel para jantar. “Eles deixaram boa parte de seus pertences no quarto. Só desconfiamos que eles haviam fugido dois dias depois”, disse a gerente do hotel Andréia Neri.
De acordo com informações na ficha de inscrição para a matrícula dos alunos dos cursos, o endereço da Online Cursos é rua Nossa Senhora de Escada, 10. A reportagem manteve contato com os telefones de Bruno da Silva, mas a ligação é transferida para a caixa postal.

Segundo Andréia Neri, uma das quatro pessoas que compareceram para os cursos, que se iniciariam no dia 5, ficou em estado de choque. “Uma jovem, que disse estar desempregada , nos contou que pagou R$ 100 pela inscrição e que tomou emprestado o dinheiro para participar do curso”.

Imagens do sistema interno do hotel foram encaminhadas à Delegacia de Polícia para colaborar nas investigações.

Fonte:Do novo reprter do Blog do Sigi Vilares, Luciano Demtrius
()
  Curta nossa pagína
  Publicidades